Como fazer recursos de provas de Concursos Públicos



É preciso que os recursos tenham fundamento, sejam claros e diretos.

Candidatos que prestam concursos públicos têm preservados os direitos de entrar contra recursos referentes aos gabaritos que possam estar incorretos. Além disso, os concurseiros podem questionar pontos do edital, questões, resultados das provas. No edital de cada concurso são disponibilizadas informações para que os candidatos possam formular o recurso, analisar as argumentações e justificá-las.

Para as provas objetivas, o recurso visa alterar o gabarito ou anular a questão. Se for anulada, todos os candidatos recebem a pontuação por aquela questão e se for alterada, a pontuação será atribuída aos concorrentes que escolheram a nova opção. Dessa forma, há a retirada dos pontos dos concorrentes beneficiados pelo gabarito inicial.



Comumente, as bancas determinam prazo de dois dias úteis após a divulgação dos gabaritos para entrar com o recurso. Depois de alterada, o resultado é definitivo e não são mais aceitos recursos. As bancas solicitam que os recursos tenham fundamento, sejam claros e diretos, uma vez que determinadas bancas determinam um limite de caracteres.

O candidato só se identifica quando o recurso é para questões subjetivas. Os pedidos são anulados quando são entregues fora do prazo estabelecido ou com teor desrespeitoso à banca. Evite também questionar a qualidade das questões e tente não afirmar diretamente que ela está errada. O ideal a apresentar a argumentações com humildade.

Evite fazer citações doutrinárias ou legislativas, ao menos que sejam importantes para que o recurso seja aceito. O motivo é a limitação de caracteres exigidos por algumas bancas. Se houver a limitação, contextualize o tema e repita trechos da questão, se for necessário.



Confira o modelo (genérico) abaixo

A questão tem como tema a/ o ___________. O gabarito considerou a afirmativa como correta. Apesar da compreensão estabelecida pela Banca Examinadora, necessita da ponderação de que (ARGUMENTAÇÃO 1). Ademais, (ARGUMENTAÇÃO COMPLEMENTAR). Dessa forma, necessita de avaliação das ponderações apresentadas, a fim de promover a anulação / alteração de gabarito / questão.

Por Ana Rosa Martins Rocha



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *