Câmara Municipal de Feira de Santana (BA) abre Vagas





No último dia 30 de outubro de 2013 a Câmara de Feira de Santana, cidade situada no estado da Bahia divulgou que foi republicado o edital de n°01/2013 que dispõe sobre as normas de realização de concurso público para o referido órgão. De acordo com as informações constantes neste novo documento os candidatos interessados em participar da seleção poderão entrar na concorrência por um total de 37 oportunidades.

Com a republicação do edital os concursando poderão garantir suas respectivas participações até a data limite do dia 17 de novembro de 2013. As inscrições estão sendo recebidas apenas via internet. Para este fim a Câmara da localidade divulgou o seguinte endereço eletrônico: www.idealinstitutotecnologico.com.br.




Em relação aos salários oferecidos aos profissionais selecionados e contratados a informação é de que o valor dos mesmos se encontra entre as cifras de R$843,33 e R$2.100. Esses números são referentes a jornadas de trabalho compostas de 30 horas semanais.

As oportunidades abertas por este concurso público poderão ser disputadas por candidatos de nível médio e superior. Os campos profissionais que oferecem vagas são os abaixo descritos:


Intérprete de Libras, Auxiliar Legislativo II/ Administrativo, Técnico de Suporte em Informática, Fotógrafo, Motorista, Redator de Notícias, Analista de Sistemas em Rede, Procurador Jurídico Adjunto e Contador.

Para a seleção dos candidatos participantes estão previstas a aplicação de provas objetivas. Essas avaliações serão de caráter eliminatório e classificatório. Para alguns cargos em específico os concorrentes ainda deverão ser submetidos a prova de sanidade física e mental, análise de títulos e prova prática.

Os candidatos inscritos neste concurso deverão ser submetidos a tais avaliações na data provável do dia 02 março de 2014. Informações referentes ao local e horário de aplicação das mesmas deverão ser divulgados em momento oportuno.

Este concurso contará com um prazo de validade de dois anos a partir da data de homologação. Em caso de necessidade poderá ser prorrogado por igual período.

Por Denisson Soares



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *